quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Brinquedoteca - Pronta

Se tem uma combinação bombástica para a cabeça de uma mãe é construtivismo mais psicanálise. Eu realmente vejo o desenvolvimento infantil por esses prismas, mas colocá-los no dia a dia é enlouquecedor!! Kkk

Vou explicar melhor: quando eu pensei em fazer a brinquedoteca eu queria que além dela manter minha casa arrumada fosse funcional para as crianças. E como fazê-las utilizarem apenas um espaço se até então elas tinham a casa toda? Simples, baseada na minha combinação bombástica, construa com elas o significado desse novo lugar e torne-as construturas dessa mudança, ou seja, sustente seu desejo e faça você mesma (como me disse um amigo depois kkk).

E assim eu fiz. Demorou muito mais para concluir, mas eles participaram de tudo da pintura dos caixotes à organização dos brinquedos. Até escolheram o melhor lugar para seus brinquedos preferidos.

Preparação
Material
- caixote de madeira
- lixa grossa
- tinta PVA branca ou base branca
- lixa média
- tinta PVA colorida
- pincel grosso
- rolinho médio para as crianças

Modo de fazer
Lixe os caixotes com a lixa grossa, se ti ver lixadeira elétrica economiza tempo e esforço. Pinte espere secar e lixe com a lixa média para tirar os arepiados da madeira. Pinte com a cor que desejar, será necessário 2 demão, ou mais, para o acabamento ficar bom. As crianças realmente pintaram e escolheram as cores de todos os caixotes.

                                     
                                   Pintando com as crinanças devidamente paramentadas

                                       
                                                        Pincel só fora de casa!!

Montagem
Dedico essa etapa ao meu marido querido Tiago, ele que gerenciou e fez todo o trabalho mais pesado dessa etapa.

Material
- rodízios, ou rodinhas de silicone, 4 para cada caixote de chão
- parafuso de madeira pequeno para os rodízios
- parafusos médios para prender os caixotes
- furadeira e broca de número 6
.
Modo de fazer
Para colocar os rodízios deve firar um pouco a madeira e depois ir parafusando direto com o proprio parafuso. Para segurar um caixote no outro também se faz um furo com a furadeira e termina de furar com o parafuso. Os caixotes que ficaram na parede prendemos com buxa e parafuso de 6 milímetros. Na estante fizemos um desenho de colméia e deixamos um espaço lateral de 40 cm entre os caixotes.

                                               
                                                                       A Estante pronta!!

 Rodízio e ficção dos caixotes

Considerações
Os caixotes não são fáceis de encontrar. Os novos vendidos no Mercado Livre custão em média R$ 25,00 e no CEAGESP custa R$ 7,00, porém eles só vendem para feirante.
- Não saiu mais barato do que uma estante pronta. A parte mais cara foram as rodinhas.
- Pintando com as crianças descobri que não adianta determinar as cores o melhor é deixar a imaginação deles mandar. Eu pintava uma parte do caixote com uma cor e com outra cor deixava eles inventarem. 
- Organizamos por tipo de brinquedo e encapamos uma caixa de papelão para colocar algumas miniaturas e outra para os carrinhos. Com os brinquedos mais a vista estão aproveitando aqueles que antes ficavam no fundo do baú.

       
 Ficou assim:                                 
                                       
                                                            Brinquedoteca!!

                                                                              
                                                                                                    Cantinho de leitura!!

Por fim, as crianças participaram muuuuiiiito!! A Manu pega um pincel e sai pintando tudo kkk Durante a montagem que eles só olharam, ela foi na caixa de tintas e colocou sua blusa de pintar na cabeça!! Estou muito satisfeita minha sala ficou limpa e eles tem um lugar para brincar.

Ah, todo o trabalho valeu eles incorporaram o conceito brincam no lugar combinado e conseguem manter a casa e até mesmo a brinquedoteca organizada!

Bjs

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Feira de Troca de Brinqueco

Nesse último final de semana teve, em todo o Brasil, a Feira de Troca de Brinquedos. Uma ideia do Intituto Alana para reduzir o consumismo no dia das crianças.

                     
      

O Instituto oferece a parte de divulgação e orientação para os organizadores da feira, que podem ser desde pessoa física até grandes companhia a única coisa que precisa é ter um espaço para realizar o evento e disposição em organizá-lo.

Nós fomos na Feira organizada pela Luz e Lápis, um Centro de Educação Infantil que fica de frente com o Parque da Barragem da Represa Guarapiranga - Zona Sul da cidade de São Paulo. Chegando lá fomos recebidos com muito carinho e foi uma verdadeira festa!!

Como funciona:
 - Cada criança tem seu espaço para demonstrar os brinquedos;
 - Todos os brinquedos são etiquetados com o nome da criança "dono";
 - Quando a criança se interessa pelo brinquedo deve procurar seu "dono" e negociar;
 - Troca feita as etiquetas dos brinquedos também são trocadas e esse brinquedo pode ser trocado novamente por seu novo "dono".

A idéia é muito legal e vai muito além da redução ao consumismo, as crianças aprendem a negociar, aprende a lidar com a frustação e a fazer estratégias, adquire um brinquedo primeiro pra depois trocar pelo que realmente queria. E os pais aprendem, como meu marido disse muito bem, que o valor monetario não está em conta, para as crianças o que vale é o valor da brincadeira. 

Percebi que essas feiras precisam acontecer muito mais vezes, para mudar o conceito popular que relaciona coisa boa com coisa nova, reutilização com pobreza e pobreza com incapacidade. Estamos na era da sustentabilidade e a reutilização nada mais é que ser sustentável.

Voltamos com a mesma quantidade de brinquedos que fomos e as crianças super felizes com seus "novos" brinquedos!! Valeu muito a pena participar, já estamos esperando a próxima!!

As feiras continuam até o dia 12/10 quem sabe tem uma pertinho de você!

Bjs